Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

MAU HUMOR , COMO SUPERA-LO

MAU HUMOR , COMO SUPERA-LO
5 (100%) 5 votes

 

 

 

Mau humor é o estado de espírito de quem não está bem disposto. O mal-humorado é aquele que está irritado, desgostoso com alguma coisa, reclamando de tudo.

Entre os sinônimos de mau humor estão irritação, aborrecimento, má disposição, agressividade, zaga, antipatia e rabugice.

Estar de mau humor significa uma má disposição. Geralmente é associado a situações momentâneas, como o mau humor que surge a partir de um desentendimento, de uma longa fila no trânsito, de uma frustração, entre outros aspectos.

 

 

Cotidianamente as pessoas alternam entre momentos de mau humor e bom humor, sendo normal apresentar os dois. O mau humor matinal, por exemplo, é muito comum à diversas pessoas e não é uma doença, apenas um traço da personalidade de quem não se adapta bem à acordar pela manhã muito cedo.

O mau humor crônico deve ser observado, para não passar apenas de um gênero do caráter para uma patologia mais grave, como a depressão. O ideal é procurar um médico ou psicólogo.

Como todos sabem, o mau humor tem consequências dramáticas para na saúde. Ele dificulta a digestão e pode mesmo causar úlceras. Além disso, o mau humor provoca uma perda de energia fenomenal. Sabendo disso, por que aceitar estar de mau humor?

 

Uma amostra do impacto pode ser observada nos resultados de uma pesquisa realizada sobre o mau humor.

 

 

De acordo com o trabalho, 85% dos indivíduos mal-humorados apresentam bruxismo ou rangem os dentes, 12% são hipertensos, 42% não têm boa qualidade de sono e 68% apresentam dificuldade de concentração.

Além disso, eles sofrem o enfraquecimento do sistema de defesa do corpo, ficando vulneráveis ao ataque de vírus e bactérias, e mudanças metabólicas que contribuem para a maior contração dos vasos sanguíneos, o que eleva ainda mais o risco para doenças cardiovasculares.

Esses danos são basicamente consequência das mudanças provocadas pelo sentimento na química cerebral. Ele é uma resposta emocional a algo considerado uma ameaça ao bem-estar. Pode ser qualquer coisa: uma fechada no trânsito, um encontro com uma pessoa desagradável.

 

 

O cérebro se organiza para reagir a tal ameaça. Estruturas são acionadas e o resultado é a liberação em cascata de hormônios como a adrenalina e o cortisol. “Isso faz com que o corpo fique em estado de alerta máximo, com péssimo resultado para a saúde

Na verdade, é bastante simples. Consegue-se dominar o mau humor quando se é obrigado. Por exemplo, recebendo um feedback negativo de seu chefe.

Geralmente, existem técnicas para que possamos ter controlo do nosso mal humor

 

1) Visualizar

 

 

Quando você se sentir de mau humor, a irritação e, por fim, a raiva estiverem aumentando em você, respire. Várias inspirações profundas, seguidas por longas expirações, levarão um pouco de calma a sua mente. Não tem como não melhorar, pois apenas o fato de inspirar, colocar mais oxigênio dentro do nosso organismo, já nos acalma e faz bem para a nossa mente e o nosso físico.

Em seguida, visualize. Você deve visualizar a pessoa amada sorrindo para você ou um lugar calmo e tranquilo, onde você se sinta bem.

 

2) Mude o pensamento

Você deve reconhecer que esse mau humor é apenas uma maneira de pensar. Ninguém obriga você a estar com um mau humor. As circunstâncias externas são uma coisa, sua reação é outra.

Lembre-se desta frase: “Se você não pode mudar a direção do vento, você pode mudar a direção da vela”. O importante não é o que acontece com você, é o que você faz com o que acontece com você.

Agora que você sabe que tudo vem da sua mente e é mais fácil mudar. Feche seus olhos, respire profundamente várias vezes e afirme mentalmente: “Eu sou calmo e quieto, a vida é maravilhosa”.

 

3) Relaxe

 

 

Se você tiver a oportunidade de se deitar para fazer este exercício de relaxamento, é melhor. Se isso não for possível, sente-se calmamente em uma cadeira com os pés baixos no chão.

Feche os olhos e relaxe toda a perna direita e depois a esquerda, desde o quadril até o fim dos dedos dos pés. Relaxe, relaxe, relaxe.

Relaxe o braço esquerdo e depois o direito, completamente do ombro até a ponta do dedo. Relaxe seu pescoço, sua garganta e sorria.

O relaxamento impede a raiva e assim você não terá uma reação que você se arrependa mais tarde. Você terá uma serenidade mental, uma paz interior que o invadirá.

A vitória sobre si mesmo é mais importante do que qualquer vitória sobre os outros.

 

 

 

Gostou do Artigo?? Deixe o seu comentário e compartilhe com os amigos.

×
%d blogueiros gostam disto: