Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

O QUE É TERAPIA HOLÍSTICA? COMO É APLICADA?

O QUE É TERAPIA HOLÍSTICA? COMO É APLICADA?
5 (100%) 5 votes

Terapia Holística

 

Terapia Holística – Do grego holos, Teoria segundo a qual o homem (o ser humano) é um todo indivisível, que não pode ser explicado pelos seus distintos componentes (físico, psicológico ou psíquico) e considerados separadamente.

A terapia holística é aquela que segue os princípios do holismo (do grego holos que significa inteiro ou todo). Ou seja: trata o ser humano como um todo, não através de uma visão fragmentada do real.

A abordagem holística acredita que os elementos físico, emocional, mental e espiritual de cada pessoa forma um sistema e objetiva tratar de toda a pessoa em seu contexto, concentrando-se tanto na causa da doença como nos sintomas.

Os estados emocionais negativos, os bloqueios energéticos nos meridianos, a falta de consciência corporal, a carência alimentar, entre outros, tornam a vida um sofrimento sem igual.

 

 

Isso porque, apesar das pessoas que se encontram nestas situações não estarem doentes, também não estão utilizando seus corpos na sua plenitude. Ao contrário, muitas delas estão realmente com bloqueios que as impedem de desenvolverem suas atividades diárias da forma como gostariam.

Ao mesmo tempo, estas mesmas pessoas não podem obter tratamento médico adequado às suas necessidades, uma vez que os problemas que apresentam não são considerados doenças, restando às mesmas, tão somente, permanecerem em sua situação.

Definição oficial outorgada pelo Conselho Federal de Terapia Holística

 

 

Terapia Holística é uma proposta predominantemente preventiva, em que se busca o equilíbrio corpóreo, psíquico, social por meio de estímulos os mais naturais possíveis. Seu objetivo é despertar os próprios recursos do cliente, almejando a auto-harmonização pela ampliação da consciência.

A Terapia Holística nasceu nesta lacuna. É uma prática não médica, onde predominantemente se busca o equilíbrio corpóreo, psíquico e social por meio de estímulos naturais, mediante a auto-ajuda ou despertar da consciência do indivíduo sobre seu corpo e seu papel em seu meio.

As funções profissionais do Terapeuta Holístico devem, necessariamente, conter nas ações de atendimento, a promoção do auto-conhecimento e a busca do equilíbrio energético, sempre dentro do paradigma holístico, promovendo a otimização da qualidade de vida através das diversas técnicas das terapias holísticas ou naturais, evitando-se qualquer termo ou duplicidade de entendimento que sejam específicos de atividades médicas ou de outros profissionais de saúde.

 

Proposta Principal da Terapia Holística

 

 

A proposta principal do Tratamento Holístico é promover o bem-estar, a harmonia e o equilíbrio, englobando todos aspectos da vida humana, sejam eles pela perspectiva emocional, psíquica, física ou espiritual. É complementar, pois pode ser associado a todo tipo de tratamento, seja ele convencional ou não, facilitando a recuperação e promovendo o restabelecimento de forma mais harmoniosa.

Conceito de Cura da Terapia Holística

 

 

Para a Terapia Holística, o conceito de cura envolve o restabelecimento da saúde não só no aspecto físico, mas emocional, psíquico e mental, através dos próprios recursos vitais do corpo. Todo esse processo requer conscientização e aprendizagem por parte da pessoa, que, aos poucos, reconhece em si mesmo o poder de autotransformação e resgate de seu equilíbrio. Portanto, a verdadeira cura somente acontece quando há a expansão da consciência por parte de quem a deseja.

 

IMPORTANTE

 

 

É importante frisar que a Terapia Holística não atua por si só, pois o profissional que a utiliza precisa, primeiramente, passar pelo processo de autoconhecer-se e autocurar-se para poder ter o verdadeiro entendimento do que seja este conceito. A partir daí, estará apto para ajudar todos aqueles que buscam por sua ajuda.

Apesar das pessoas que se encontram nestas situações não estarem doentes, na acepção técnica do termo, também não estão utilizando seus corpos na sua plenitude. Ao contrário, muitas delas estão realmente com bloqueios que as impedem de desenvolverem suas atividades diárias da forma como gostariam.

Ao mesmo tempo, estas mesmas pessoas não podem obter tratamento médico adequado às suas necessidades, uma vez que os problemas que apresentam não são considerados doenças, restando às mesmas, tão somente, permanecerem em sua situação.

 

 

O cliente é abordado integralmente, ou seja, em seus aspectos físicos, psíquicos, energéticos e ambientais e, para tanto, faz-se uso de uma somatória de Aconselhamento e Vivências com técnicas de intervenção corpórea, tais como Massoterapia, Terapia Corporal, Acupuntura e derivadas, Florais de Bach, Reiki, Balanceamento Muscular, Terapia Ortomolecular dentre outras.

Daí a necessidade de oferecer à população acesso a estas formas de estímulos, para que a mesma possa suprir esta lacuna existente entre o estado de saúde e doença, que é justamente a área de trabalho dos terapeutas holísticos.

Trata-se de uma profissão única, eis que nenhum outro profissional tem condições de intervir nesta área, propondo a melhora na qualidade de vida dos beneficiários que os terapeutas holísticos podem.

MAS O QUE É TERAPIA HOLÍSTICA?

 

 

Hoje em dia as terapias holísticas trabalham tendo entendimento de que toda a doença começa quando perdemos a fé em nós mesmos, quando não acreditamos em nossas capacidades e nos desligamos do “espírito”. Depois esta falta de fé, gera pensamentos densos, confusos e negativos. Todo pensamento gera uma emoção.

Portanto, se formos pessimistas, por exemplo, o pessimismo gerará mau humor, raiva, ressentimento ou alguma emoção negativa. E a própria física quântica já comprovou que todo o pensamento gera uma emoção. Por fim, se ficarmos somatizando essas debilidades por muito tempo, o corpo físico sofrerá com dores, doenças e disfunções.

A terapia holística é hoje uma das terapias que mais crescem no mundo e geralmente elas fazem parte das medicinas orientais (como a Medicina Tradicional Chinesa e Medicina Ayurveda), utilizadas a milhares de anos.

O motivo do aumento da procura por estes tratamentos se deve ao fato de que todas elas enfocam o ser humano como um ser integral. Sendo assim, no enfoque holístico a doença do corpo físico é apenas o reflexo das desarmonias que já existem nos corpos energéticos.

Essas técnicas podem ajudar as pessoas a aliviar o stress físico, dores nas costas, previne e combate depressões, insônia, TPM, ansiedades. Fazendo uso de vários métodos diferentes, podemos detectar o que está realmente gerando desequilíbrio.

 

 

É importante saber que dentro do paradigma holístico e até mesmo legal, o terapeuta não é médico, nem doutor. Por isso não pode usar terminologias como paciente, receita, diagnóstico, doenças ou medicamentos.

Um bom terapeuta, assim como qualquer profissional que queira servir e respeitar o próximo, bem como ajudar na evolução da humanidade, precisa especializar-se, ter uma boa formação, muita pesquisa e dedicação, pois estes são ingredientes essenciais para um bom profissional.

Para escolher um bom profissional, precisamos saber a sua procedência e as necessidades que nós temos. Caso o terapeuta seja bem recomendado, cumpre com todos os quesitos da legislação, tem seus alvarás em dia e um local apropriado para atender, podemos confiar.

Entretanto se o terapeuta não fez uma boa formação, não tem alvará, atende em locais inapropriados, fica difícil dar credibilidade a ele e de receber os benefícios deste trabalho.

Se você tem interesse em cuidar do corpo, da mente e do espírito, pesquise mais e procure a terapia que mais lhe agradar. Conheça mais destas técnicas milenares de cura e equilíbrio e você verá o quanto elas auxiliam para a nossa saúde física e para o nosso bem estar.

Gostou do Artigo?? Deixe o seu comentário e compartilhe com os amigos.

%d blogueiros gostam disto: